Nanael

Nanael

Atributo: Deus que faz cair o orgulho.

Planeta: Mercúrio.

Coro Angélico: Arcanjos.

De Sephirah: Hod.

Horário de Regência: das 17:00 às 17:40

É invocado por:

  • Ter inspiração e apoio material para grandes realizações.
  • Nosso rejuvenescimento físico e intelectual através do alívio de padrões negativos.

Os nascidos sob sua regência:

[sociallocker id="356″]Vocês se distinguirão por conhecer as ciências exatas, vocês amarão a vida tranqüila, a paz, a meditação. Sua luz é transcendente e por trás dela ele deixa ver sua inocência e sua verdade. Ele pode ter uma vocação religiosa ou metafísica. Fidedigno, ele nunca empreende ações imprudentes ou egoístas. Ele tem relacionamentos sólidos e é o amigo que todos gostariam de ter. Dotado de grande afetividade, ele vive apaixonado e é movido por tudo o que é belo. Por ser um tradicionalista, ele dá grande importância ao casamento e aos filhos. Ele sabe como controlar seus instintos sem reprimi-los. Sua inteligência é desenvolvida mais pela experiência do que pelo estudo. Ele pode ter problemas de saúde na infância ou adolescência, mas apesar de sua fragilidade física, ele possui um espírito extremamente ágil e guerreiro e sabe como desfrutar das coisas boas da vida [/sociallocker].

Citação bíblica:

Senhor, eu sei que seus julgamentos são justos,
e que com boa razão me afligem.

Salmo 119:75

NANAEL: "A LUZ DA MEDITAÇÃO

A família Nanael era humilde e muito pobre. Seu pai, embora tenha trabalhado do nascer ao pôr-do-sol sem falhar, mal ganhou o suficiente para alimentar seus doze filhos, e ainda assim ninguém reclamou, bem, exceto um, já que Nanael sonhava em ser alguém famoso, influente e poderoso.

Ignorando os muitos esforços que seus pais fizeram para sobreviver, seu orgulho o levou a desprezar este modo de vida humilhante, e ele decidiu sair de casa e ir em busca de prestígio e riqueza.

Ele sempre quis ser um grande mágico e tinha ouvido dizer que a Cidade Sagrada admitia aprendizes que procuravam dominar a Alta Magia. Assim, ele dirigiu seus passos para onde o Sol nasceu. Ali o aguardava seu destino.

Após quatro dias na estrada, nosso jovem protagonista conseguiu alcançar os portões da Grande Cidade. Um silêncio harmonioso o dominou. Ele estava na entrada e já podia respirar o aroma particular do Mistério. Dois

Os querubins protegiam o acesso ao Santuário com espadas flamejantes.

Nanael, depois de recuperar o fôlego, quis entrar, mas uma voz parou seus passos.

- Aonde você pensa que vai, forasteiro? -Prometi um dos Cherubim enquanto apontava sua espada para ele.

- Eu não sou estrangeiro, eu vivo em...

O jovem não podia mais falar, pois foi bruscamente interrompido pelo Querubim.

- Cale-se, seu insolente! Tudo o que é, não é. E tudo o que não é, é.

Nanael, um pouco assustado, não entendeu aquele jogo de palavras. Ele pensou que seria um enigma e dirigiu-se ao Guardião do Templo, disse ele:

- É um mistério que eu tenho que resolver?

- Isso mesmo, garoto. Medite, medite, e quando tiver a resposta, ligue novamente", ordenou-lhe o Querubim.

O jovem ousado ficou muito decepcionado. Eu nunca havia pensado que seria tão difícil ser uma mão, muito menos um aprendiz de mago.

Meditar, ele teve a paciência de meditar? Se seu pai estivesse lá, ele saberia como fazer isso. Ele sempre o aconselhava a mesma coisa:

- Meu filho, quando você semeia a semente de uma árvore, você deve ser paciente até que ela dê seus frutos. Observe como a semente é protegida no solo e, satisfeita, cresce pouco a pouco com o desejo de finalmente dar seus frutos, aqueles frutos apetitosos e doces que nos alimentam.

Como seu pai estava certo. Agora ele estava sozinho e tinha que ser paciente.

Procuro um lugar onde possa meditar e me entrego a ele de corpo e alma. No início ele estava irritado, pois sua mente era como um ninho de vespas raivosas. Suas idéias estavam tremulando sem sentido em sua cabeça, mas aquele silêncio harmonioso estava lentamente penetrando dentro dele e sem saber como, uma luz emergiu dele.

"Quem é, não é, e quem não é, é".

Essa mensagem tomou forma em sua mente e ele a deixou fluir livremente.

Ele não queria que aquela luz se apagasse, e pensou na luz. Naquele momento tudo se tornou uma luz intensa, e de repente a resposta apareceu miraculosamente. Era o espírito. Essa foi a resposta. O espírito, é por isso que ele era um estranho. O Eterno não é um estranho e ainda assim, sendo invisível, Ele não é, mas não é deste mundo, Ele é um habitante do Templo.

As portas do Santuário se abriram para Nanael, mas o jovem pediu aos Querubins que as fechassem novamente, pois ele entendeu que tinha que voltar para sua casa, onde tinha uma tarefa a cumprir.

A venda do orgulho que até então o havia cegado havia caído de seus olhos, mas a luz havia aberto um belo caminho diante dele.

Fim

24 pensamentos sobre "Nanael"

  1. Adorei e gostaria de poder tê-lo em minha vida e que isso me ajudasse muito. Preciso muito do meu anjo.

  2. STELLA RAIMONDETTO

    Olá. Eu me identifico com a personalidade dos escolhidos da Nanael. Embora em alguns lugares seja outro mundo de anjos protetores. Como saber com certeza quem está no meu Anjo da Guarda?

  3. Paulina Vega fernandez

    Fico feliz em saber da Nanael e gostaria que eles continuassem me enviando informações dos anjos

  4. Paulina Vega fernandez

    Tenho o prazer de ouvir a Nanael e desejo continuar a me enviar informações sobre

  5. A verdade é que a história de Nanael é muito bonita, obrigado. Minha data de nascimento é 13/12/13/67

  6. Minha data de nascimento 11/12/74 13:30 hrs Eu gostaria de saber qual é meu anjo e arcanjo, por favor

  7. hermines martin saldaÑa yomona

    ......Palavras sinceras são o que você tem e essas nascem da alma e em minha alma só há palavras de luz

  8. Amo a história da Nanael. Amo tudo o que me enviam, me ajuda muito poder continuar neste caminho tão difícil, mas não impossível, de caminhar e alcançar o objetivo que Deus me propôs. Amo você, obrigado 😆

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BR
Rolar para cima